#EuEnjoeiDeSerGorda - Por Alexa Farias

#EuEnjoeiDeSerGorda - Por Alexa Farias

Dicas e receitas de como emagrecer e manter a forma!

Postado em 03/05/2018 11:30

Afinal, a ingestão do limão faz bem ou faz mal à saúde?

Muito se discute sobre os benefícios e malefícios que esta fruta causa à nossa saúde, então fui pesquisar e descobri que tanto para o sistema digestivo, quanto para o sistema defensor, quanto para a vaidade e os dentes, o limão tem o seu propósito.

Ação Antioxidante: Antioxidante é o termo usado para se referir as substâncias que no organismo combatem os radicais livres (íons soltos no decorrer de reações metabólicas que possuem o potencial de transformar células saudáveis em cancerígenas). O limão contém essas substâncias em sua composição. Elas servem inclusive para retardar o envelhecimento celular e tratar das ações sofridas com o passar do tempo nas células.

As aplicações são usadas na restauração do cabelo e da pele, por exemplo.

Pele, os cuidados do limão com a pele atuam na recuperação de áreas queimadas. O fruto ajuda na restauração mais rápida. A revitalização do tecido epitelial é, também, uma consequência do uso tópico do alimento.

Combate Infecções bacterianas: O poder antibactericida do limão é eficaz. Suas propriedades podem tratar das agressões no corpo pela penetração de bactérias devido a alta concentração de vitamina C, reforçando o sistema imunológico para uma defesa mais efetiva contra corpos estranhos. Anti-inflamatórios contidos no limão são outro mecanismo atuante na cura das infecções.

Dentes, por causa da ação antibacteriana os dentes encontram-se protegidos pelo uso do limão. Muitas bactérias estão alojadas na região bucal causando danos a todas as partes como dentes, gengivas, língua e bochecha. Aplicar limão ou seu suco nos dentes reduz a dor de dentes.


Melhora Constipação: O limão é usado durante gripes e resfriados por aliviar a constipação.

Melhora o Desempenho do Sistema Digestivo: Beber um suco de limão feito com água quente logo pela manhã faz muito bem para o sistema digestório. A mistura trata e acalma o tecido que o compõe e fortalece o estômago. Para quem sofre com gastrite e úlcera, é uma forma alternativa de tratamento.

Malefícios do Limão


Por ser um ácido, ao ser ingerido em excesso, irrita o estômago e o esôfago. Por isso, o uso do limão deve ser consciente e estar aliado a uma dieta saudável e com o menor número de toxinas possível.

 

Até o próximo post e qualquer dúvida:

Instagram: @eualexafarias

Facebook: Alexa Farias

 

Sigam nosso parceiro: @biotipoacademiafitness

Comentários comentar agora ❯

Postado em 30/04/2018 16:00

É melhor comer batata frita ou tomar açaí?

E agora? hahaha'

Cheguei a um local aonde esta dúvida imperava, uma defendia a batata frita dizendo ser menos calórica do que o açaí e a outra fazia o oposto, então decidi pesquisar e escrever pra todos vocês qual melhor, qual é mais calórico e se é que existe, qual o mais saudável!

Ninguém é de ferro e tem momentos que é praticamente impossível seguir a dieta à risca e se alimentar apenas de verduras, legumes e carnes grelhadas. Tem aquele dia que você daria tudo por uma porção de batata frita. Saiba que, segundo a ciência, essa delícia nem vai arruinar sua dieta. Pesquisa aponta um prato de batata frita é menos prejudicial para sua dieta do que comer, por exemplo, macarrão durante uma "escorregada".

Sobre a Batata:

A pesquisa fala apenas de uma escapada da dieta. Em linhas gerais, as frituras devem continuar sendo evitadas em uma alimentação saudável. Comer gorduras desse tipo, como a trans, faz mal à saúde e pode aumentar os níveis de colesterol e elevar a pressão arterial.

Além disso, gorduras a mais e muita batata frita significam quilinhos a mais. 

Para cada 100 gramas de batata inglesa cozida temos: 52 kcal, 11,9 g de carboidratos, 1,2 g de proteínas, 0 g de gorduras, 1,3 g de fibra alimentar, 2 mg de sódio.

Como você pode notar, a quantidade de calorias não justifica a fama de que a batata engorda, correto? Porém, o valor calórico dos alimentos por si só não faz dele um alimento que pode auxiliar ou prejudicar seus objetivos de dieta. Devemos sempre analisar todos os valores nutricionais do alimento. No caso da batata, ela faz parte do grupo dos carboidratos simples. Isso significa que, quando consumida, há uma liberação de energia imediata na corrente sanguínea. 

Como já foi dito, a batata engorda mais quando ela deixa de ser o mais natural possível e passa por processos que irá agradar o nosso paladar. Infelizmente, estamos acostumados a comer coisas gorduras, e com a batata não é diferente. Uma das maneiras que a batata engorda mais é quando ela está frita. Se esse fosse o único problema, talvez conseguiríamos resolver por comer pouco ou então utilizar dos novos eletrodomésticos que frita alimentos sem usar óleo. Na verdade, se você gosta de comer batata frita, e não quer diminuir a quantidade, então opte por comprar um desses aparelhos, pois o óleo gorduroso que é absorvido pela batata realmente engorda.

Sobre o Açaí:

O acaí é considerado um superalimento devido ao seu altíssimo teor de antioxidantes (um dos maiores de todos os alimentos) gorduras boas, minerais, lipídeos! 

Segundo a pesquisa do Rodrigo Polesso, cientista nutricional, o fruto do açaí (sem o xarope de guaraná) tem cerca de 1,5g de carboidrato pra cada 100 gramas. Isso torna o açaí um alimento com menos carboidratos do que a maioria das frutas vermelhas por exemplo. Menos que a alface, com 1,8g.

O açaí é uma berry, assim como o morango e os mirtilos, com pouco açúcar. A polpa pura do acaí, extraída do fruto e sem adição de açúcar (xarope) fica em torno de 4 ou 5 gramas de carboidratos a cada 100 gramas nas polpas, completa R. Polesso.

Isso significa que a pouca quantidade de carboidratos do açaí puro não vai instigar picos de açúcar no sangue, a subsequente liberação de insulina e o armazenamento desse açúcar como gordura. Já os cremes de açaí, chegam a ter 50% de carboidrato, da qual a maioria vem do açúcar. O que justifica o açaí como uma fruta que engorda. Claro, com esse tanto de açúcar, qualquer alimento engorda!

A história dos glicídios ou era balela, ou não se referia ao açaí em si, mas ao açaí + xarope de guaraná.

 

Espero mais uma vez ter ajudado. 

Mais dúvidas? Instagram: @eualexafarias

Comentários comentar agora ❯

Postado em 30/04/2018 10:00

Segunda é dia do Detox. Cardápio de 3 dias pra você desinchar!

Todo final de semana nos liberamos um pouco mais na dieta e na segunda-feira começa sempre a busca pelo "detox perfeito", então, decidi trazer aqui toda segunda feira uma receita diferente para te ajudar a desinchar, pois é, desinchar é a palavra correta, pois o que você "ganhou" no final de semana muito mais é retenção hídrica do que gordura em si.

CARDÁPIO 3 DIAS DETOX:

A dieta elaborada pela nutricionista Michelle Mileto Troitinho, pode ser realizada uma vez por mês sem comprometer o funcionamento das funções metabólicas do organismo.

AO ACORDAR
1 copo (200 ml) de água morna com suco de meio limão em jejum, diariamente

DESJEJUM


Dia 1
– Taça de “iogurte de coco” com frutas: na noite anterior, misture 1 colher de sobremesa de sementes de chia com 1/2 xícara de leite de coco light (ou leite de amêndoas). Deixe na geladeira para engrossar. No dia seguinte, sirva o “iogurte” com 1 banana em rodelas, 1 punhadinho de goji berry, lascas de coco (opcional) e canela em pó.

Dia 2
– Omelete feito com 1 gema e 2 claras de ovo caipira + tempero verde ou orégano + 1 pitada de açafrão e sal marinho ou Flor de Sal

– Suco de 2 limas da pérsia

Dia 3
– 1 tapioca (3 colheres de sopa de goma hidratada de tapioca + 1 colher de chá de sementes de chia): espalhe em frigideira anti-aderente e deixe em fogo baixo alguns minutos, rechear e dobrar ao meio.

– 1 colher de sobremesa de cottage de búfala temperada com orégano OU de homus (pasta de origem árabe feita de grão-de-bico e gergelim)

– 4 morangos médios

LANCHE 1


Dia 1
1 copo (200 ml) de shake de frutas vermelhas (receita abaixo)

Dia 2
1 fatia média de abacaxi com raspinhas de limão

Dia 3
1 copo (200 ml) de suchá termogênico

ALMOÇO


Dia 1
– Salada de folhas verdes e brotos com 1 colher de chá de sementes de gergelim e 1 colher de sobremesa de azeite
– Filé de peixe grelhado
– 1 prato de sobremesa de brócolis cozido por 3 minutos em pouca água (ou no vapor)
– 2 colheres de sopa de arroz cateto integral

Dia 2
– Salada de cenoura, tomate-cereja, pepino e folhas (com 1 colher de sobremesa de azeite de oliva)
– Burguer vegetariano
– 1 mandioquinha média cozida e salpicada com salsinha (pode amassar com um pouco da água de cozimento para fazer purê)

Dia 3

– 5 colheres de sopa de tabule de quinua
– Salada de folhas verdes variadas à vontade (com 1 colher de sobremesa de azeite de oliva)

LANCHE 2


Dia 1
1 fatia grande de melão

Dia 2
2 ameixas vermelhas

Dia 3
200 ml de água de coco + 2 castanhas do Pará ou 5 amêndoas sem sal

JANTAR


Dia 1
– 3 conchas médias de uma das receitas de Sopa de Legumes Desintoxicante (pode escolher entre as 2 receitas ou fazer uma a cada dia).

CEIA


Dia 1
Chá de dente-de-leão

Dia 2
Chá de gengibre com hortelã

Dia 3
Chá de hibisco- 1 taça

Observações:

Tome no mínimo 2 litros de água filtrada/mineral preferencialmente com pH acima 7,0 ao longo do dia.
Para temperar as saladas, limite o azeite de oliva a uma colher de sobremesa. Suco de limão, ervas picada, pimenta e mostarda em grão estão liberadas à vontade.

Vale lembrar que os alimentos importantes para o processo de desintoxicação são as frutas e vegetais em geral, mas, especificamente, os alimentos com teores elevados de antioxidantes, como brotos, brócolis, couve, alho, lentilha, melão, limão, maçã, temperos e ervas como aipo, salsinha, gengibre e alecrim. Peixes, ovos, oleaginosas (castanhas, nozes), feijões, arroz integral, quinoa, batata-doce, batata-baroa, mandioca, lentilha e grão-de-bico são considerados mais neutros e podem ser incluídos para completar a alimentação.

O sal marinho (ou Flor de Sal ou sal do Himalaia) auxilia na desintoxicação, mas o ideal é usá-lo em quantidades moderadas para substituir o sal refinado, o molho shoyu e os temperos industrializados.

Me acompanhem lá no instagram que ainda hoje irei postar uma receita de um Suchá Termogênico e deixarei nos destaques! 

 

Gostaram desse cardápio detox?

Espero que sim, me mandem dicas

do que preferem ler. Vou adorar!

Instagram: @eualexafarias

Comentários comentar agora ❯

Postado em 16/04/2018 12:00

Como me nutrir de forma saudável?

Com uma variedade imensa, os produtos da Herbalife tem como objetivo melhorar a vida das pessoas. Com duas linhas de nutrição: a interna e a nutrição externa, cada uma delas é composta de outras categorias de produtos que atendem às necessidades de nutrientes do corpo e ajudam a manter a disposição e boa forma. 

Sobre os tão famosos shakes, cada porção contém mais de um terço das necessidades diárias de cálcio quando preparada com 250 ml de leite semidesnatado, quando preparados conforme instruções do rótulo, fornecem aproximadamente 18 g de proteínas por porção – 23% mais proteína do que a média de outros substitutos de refeição comuns.

100% das proteínas dos shakes são de alto valor biológico, contendo todos os aminoácidos essenciais em proporções ideais para suprir as necessidades de proteínas do organismo.

Além de serem deliciosos, é doce o que já ajuda naquela vontade de atacar um chocolate e sendo gelado, uma maravilha nesse calor! Mas para quem prefere algo com sabor mais salgado, tem a Nutri Soup, que é consumida quentinha e é muito saborosa!

No caso de gerenciamento do peso:

QUER EMAGRECER? substitua duas refeições principais do dia pelos Shakes Herbalife. DESEJA MANTER O PESO? Troque apenas uma delas. Agora, se o objetivo é GANHAR PESO, acrescente até dois Shakes Herbalife à sua dieta.

Mas a Herbalife não traz só produtos que irão fazer você modificar ou manter seu peso, pois também existe os produtos para complementar suas necessidades diárias de nutrientes do organismo. 

A exemplo do Fiber Power que é uma fibra natural em pó, versátil e de sabor neutro que pode ser adicionada em qualquer alimento ou bebida, quente ou frio, sem alterar o sabor, como iogurtes, shakes, sopas, chás, frutas e receitas diversas.

 

 

 

 

 

Já o Fibe concentrate é uma forma muito prática de complementar as necessidades de fibras do organismo, pois ele é líquido, parece um suco e o melhor, adiciona poucas calorias à dieta e aumenta a quantidade de fibras ingeridas, mantendo o seu corpo sempre hidratado. Engana-se quem pensa que consumir este produto é ruim, pois ele vem nos sabores de uva e manga. Já provei e super recomendo! 

 

 

 

 

Agora, se você sente muito cansaço ou com falta de ânimo, a Herbalife tem uma boa notícia. Em vez de procurar energia em alimentos e bebidas calóricas, você conta com produtos elaborados pom ingredientes naturais que ainda colaboram com o programa de controle de peso e a boa forma.

 

 

 

 

Se interessou e quer saber sobre todos esses produtos e outros que existe? Vou te indicar alguns espaços, o primeiro, aqui em Penedo-AL, o EVS Velho Chico, localizado na Pousada Colonial, Centro Histórico, segue o link do instagram: @evsvelhochico.

Logo mais, no dia 18/04, será inaugurado o Evs Tais Bruna, facilitando o acesso para os moradores da parte alta da cidade. Para saber mais detalhes, é só clicar no link: @evstaisbruna.

Em Arapiraca, indico o EVS Casarão Arapiraca: @evs_casaraoarapiraca.

Aos amigos e leitores de Aracajú, logo será inaugurado na Avenida Farmacêutica Cesartina Régis o EVS Sol Nascente: @evssolnascente.

Na minha querida Capital Alagoana, indico três: No centro da cidade, o EVS Centro: @evscentro, na ponta verde o EVS Caio Marcio: @evs_caio_marcio e na parte alta, o EVS San Nicolas: @evssannicolas.

 

Espero que tenham gostado das dicas

dos produtos e das indicações.

Me acompanhem no instagram:

@eualexafarias.

Até o próximo post!

Siga também nossos parceiros e amigos: @evsvelhochico e @biotipofitnesspenedo

 

 

 

 

 

Seja parceiro também,

entre em contato pelo whatsapp:

(82) 9 9650-4660

Comentários comentar agora ❯

Postado em 10/04/2018 09:20

Comer ou não comer, eis a questão!

Esse tema tem sido bem recorrente nas redes sociais, então resolvi escrever este post para tirar algumas dúvidas, a primeira é: O QUE É JEJUM INTERMITENTE?

Vale lembrar que para aderir qualquer 'dieta' você deve procurar seu médico e converar com ele, pois eu não sou profissional de saúde, uso esse espaço para ajudar da forma que eu posso, pesquisando em artigos de alguns profissionais sobre o assunto que quero abordar.

Antes de se instituir as refeições de três em três horas, a frequência alimentar era completamente diferente. Segundo o especialista em nutrição otimizada Rodrigo Polesso, há 30 anos era normal fazer jejum de 12 horas sem perceber. “O comum era tomar café da manhã, almoço e janta, sem lanches no meio do caminho”, explica.

Para aderir ao Jejum Intermitente, você deve antes adequar sua dieta. E a dieta ideal para isso deve ter como base verduras, legumes, carnes e ovos. Para melhores resultados, é interessante diminuir muito a quantidade de carboidratos, e se preciso, aumentar a quantidade de gorduras boas. Não tenha medo das gorduras naturais. Mas isso não significa forçar o consumo das mesmas, e sim, utilizar as gorduras dos alimentos sem medo.

Para você entender melhor, quando ingerimos acima de certas quantidades de carboidratos, o organismo aumenta a produção de insulina, o que reduz a taxa de glicose no sangue. Quando isso ocorre, logo vem a fome outra vez. Você nunca percebeu que após comer uma pratada de macarrão, ou um pão com alguma coisa, logo a fome apareceu novamente?

Experimente, por um dia, trocar refeições normais (arroz, macarrão, pães) por refeições sem carboidratos (alguns legumes, verduras, carne, frango, ovo). Você vai perceber que esse tipo de alimentação sustenta muito mais, além de ser muito mais saudável.

Se feito de forma consciente e com acompanhamento nutricional, o jejum é seguro sim e interessante para o corpo. “Com orientação é saudável. O paciente precisa ter uma dieta balanceada com poucos carboidratos e proteínas. Caso contrário, se comer calorias vazias ou tentar compensar o jejum com muitas calorias, pode perder cabelo, ter dores no corpo e ficar depressivo”, explica a nutricionista Thais Lamas, da Clínica Janice Lamas Radiologia.  

Como fazer Jejum Intermitente Passo a Passo:

O método mais comum, é fazer Jejum diariamente, por 16 horas, ficando as outras 8 horas livres para alimentação. Uma ideia seria almoçar e jantar dentro dessas 8 horas, e o restante do tempo jejuar. Eu, pessoalmente, creio que com o tempo não há a menor necessidade de criar um mecanismo para que você cumpra a dieta. Coma quando tiver fome dentro dessas 8 horas, quando o organismo se acostumar, ficará em piloto automático e você nem vai se lembrar que está jejuando.

Jejum Intermitente emagrece?

O jejum intermitente, assim como qualquer mudança brusca na alimentação, necessita do acompanhamento de um profissional. E eu gostaria de lembrar que para perder peso, você só precisa de uma coisa: ingerir menos calorias do que gasta. Isso é difícil mensurar, pois, para viver, para andar, para correr, para dormir, para tudo, nós gastamos calorias. Inclusive, hoje em dia as dietas atuais nem contam mais calorias. O que eu quero dizer é que não adianta fazer horas e mais horas, ou mesmo dias de jejum intermitente, e comer o que quiser, demasiadamente e sem qualidade 'nas janelas' (Essas janelas são as  horas, por exemplo, que citei acima. É quando você sai do jejum). Coma corretamente assim como em qualquer outra dieta.

 

Espero ter ajudado e qualquer

dúvida ou sugestão, entra em

contato comigo.

Instagram: @eualexafarias

 

Parceiros: @crisfitpenedo, @evsvelhochico e @biotipofitnesspenedo

 

 

Seja parceiro também,

entre em contato pelo whatsapp:

(82) 9 9650-4660

Comentários comentar agora ❯

Postado em 06/04/2018 11:00

Manter a dieta no final de semana pode ser fácil!

Durante a semana a rotina alimentar segue na linha, sem muitos problemas. Mas é no sábado e no domingo que a vontade de comer guloseimas aperta. Se o seu objetivo, assim como o meu é emagrecer: controle a ansiedade e vamos seguir essas dicas abaixo:

1. Acorde cedo para manter a rotina de exercícios e não pular refeições

Se você deixar de fazer uma das refeições, automaticamente, vai sentir mais fome na próxima. Isso pode gerar uma compensação desnecessária ao longo do dia e fazer com que o apetite apareça fora do horário. Além disso, o metabolismo fica mais lento e a dificuldade em emagrecer aumenta. A regra número 1 para evitar a cilada é: mantenha os horários do fim de semana parecidos com a rotina de segunda à sexta. Se sair fora do esquema em algum período, volte assim que possível.

2. Abusou das guloseimas? Deixe o "estrago" para apenas uma refeição


Todo nós sabemos que a vontade de comer todas as delícias no fim de semana é grande. No geral, as pessoas abusam em uma refeição e, a partir daí, desistem da dieta inteira e continuam saindo da linha no restante do dia. Pronto, já vai perceber o estrago na balança logo na segunda-feira. Você precisa manter o controle: se sair da dieta em uma refeição, não pule as seguintes e nem deixe de comer, volte pra dieta e siga em frente.

3. Sempre na ativa, mesmo longe da academia


Além da prática de atividade física ser fundamental pra saúde e perda de peso, se manter ativa nos finais de semana aumenta a produção de substâncias que proporcionam a sensação de bem-estar. Isso vai fazer com que você não busque essa compensação nos alimentos, conta Natália Colombo, nutricionista funcional da clínica NCnutre, de São Paulo. Vale tudo: caminhar, andar de bicicleta, correr… O importante é não ficar parada.

4. Tem festa? Vá de barriga cheia


Casamento, aniversário, comemorações em geral são ocasiões especiais e que valem a pena aproveitar ao lado de pessoas queridas. Porém, não precisa traçar metade da bandeja de coxinhas, não é mesmo? O jeito é não exagerar nas quantidades e saber compensar os alimentos. Uma dica é evitar chegar nessas festas com fome. Se você comer uma fruta antes, por exemplo, não vai com tanta sede ao pote e, com certeza, vai conseguir equilibrar melhor as quantidades. Além disso, tente não experimentar tudo que a festa oferece, modere na quantidade. Não deixe de comer durante o dia, pensando que assim poderá comer mais na festa.

5. No dia seguinte, vida que segue


Se por acaso exagerou na noite (ou no dia inteiro) anterior, volte à rotina habitual e dê preferência para alimentos mais leves e em quantidades menores. Vá para a academia e compense as calorias extras com uma atividade física. “Nada de fazer loucuras e passar horas em jejum pra compensar – isso só deixa o metabolismo mais lento e o trabalho do seu corpo mais difícil”, diz a especialista.

6. Vá com calma na bebida alcoólica


As bebidas alcoólicas são muito calóricas e intoxicam o corpo, sobrecarregando o fígado e dificultando ainda mais a eliminação de toxinas e a perda de peso. Entretanto, se for beber, tome cuidado com o tipo de bebida. A cerveja, por exemplo, aumenta a fermentação do intestino e favorece a dilatação abdominal. Já as bebidas destiladas têm um teor alcoólico muito alto e demoram mais para sair do organismo. A dica é: consuma quantidades menores de álcool e intercale com água. E claro, evite beber com o estômago vazio, por que quanto mais você beber, maior será a intoxicação. E isso vai dificultar todas as funções do seu organismo, deixando o metabolismo e a queima de gordura mais lentos. O vinho tinto é uma boa opção, por ter diversos benefícios, como uma grande quantidade de substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias. Ele evita os radicais livres e previne uma série de doenças. O recomendado é 1 taça de vinho, com aproximadamente 150 ml.

 

Espero que essas 6 dicas te ajudem a se manter saudável também aos finais de semana. Mas se deslizou no sábado, domingo volte com foco total, não espere chegar a segunda para retomar! Estamos juntos! 

 

Um ótimo final de semana 

e até o próximo post!

 

 

Parceiros: @crisfitpenedo, @evsvelhochico e @biotipofitnesspenedo

 

 

 

 

 

 

Seja um parceiro também,

entre em contato pelo whatsapp:

(82) 9 9650-4660

Comentários comentar agora ❯

Postado em 04/04/2018 13:00

Receita: Sopa de carne com macarrão integral!

Publiquei ontem (3) em meu intagram pessoal o meu jantar e fiz uma enquete, onde 91% disseram sim querendo a receita! Então aqui está, para esta sopa saborosa e muito saudável, você vai precisar de:

 

  • 500 g de carne (prefira carne com pouca ou nenhuma gordura)
  • 300 g de macarrão integral (eu usei o macarrão parafuso)
  • 3 copos de água (medi em um copo americano)
  • 1 batata inglesa
  • 1 cenoura média
  • Temperos e sal à gosto.

 

O modo de preparo é bem simples:

  • Coloque a carne, os temperos, o sal, a batata e a cenoura (em rodelas ou como preferir), com a água em uma panela de pressão por 15 minutos, após perceber que a carne está ficando no ponto, adicione o macarrão. Depois de 3 a 5 minutos na pressão, a sopa está pronta e é só servir!

 

Gostou? Reproduziu alguma receita

aqui do blog? Me diz nos comentários

ou me marca em sua rede social.

Um cheiro e até o próximo post!

 

Parceiros: @crisfitpenedo e @evsvelhochico

 

 

 

 

 

Seja um parceiro também,

entre em contato pelo whatsapp:

(82) 9 9650-4660

Comentários comentar agora ❯

Postado em 02/04/2018 07:00

Hora de eliminar os quilinhos da páscoa. Que tal fazer um AEJ?

Você também quer eliminar os quilinhos que ganhou nesse feriadão mas não sabe o que é AEJ? É simples, eu te explico.

AEJ, nada mais é do que fazer exercício físico em jejum, porém tem de haver alguns cuidados e um pouco de conhecimento para não ter nenhum problema. Pretendo com esse post tirar algumas dúvidas e posteriormente, se ainda existir outros questionamentos, me envia nos comentários que eu irei adorar te ajudar!

Como funciona? 

Esta é uma atividade que consiste em praticar exercícios físicos aeróbicos pela manhã, logo depois de acordar e antes de ingerir qualquer alimento. Seus princípios se baseiam na ideia de que, nessas circunstâncias, o organismo se encontra há muitas horas sem ingerir calorias. Sendo assim, o uso de lipídios como fonte de energia seria mais efetivo, uma vez que as reservas de glicose já foram usadas no período em jejum. Isso significa que o AEJ pode apresentar bons resultados para o emagrecimento.

Durante o sono nosso metabolismo funciona em modo mais econômico, ele continua em funcionamento mas utilizando energia apenas para as funções vitais. Com uma noite de sono, passamos normalmente de 6 a 8 horas sem ingerir qualquer tipo de alimento, forçando assim o organismo a utilizar as reservas de glicogênio. Ao acordar nos encontramos com estas reservas em baixas e por conta disso um cenário ideal para nosso corpo utilizar como principal fonte de combustível nossas reservas de gorduras

Porém, não funciona de forma tão simples. É preciso entender muito bem seus mecanismos para que o corpo responda de forma positiva e não entre em catabolismo.

Existem pessoas que são adeptas, têm bons resultados e se sentem bem. Normalmente, são aquelas que já têm um bom condicionamento físico e um metabolismo trabalhando de forma acelerada. Essas são as condições primordiais para conseguir educar o corpo a usar a gordura como fonte primária de energia.

Por outro lado, há condições desfavoráveis para a prática do AEJ. Ele não é indicado para indivíduos sedentários, sem um bom condicionamento físico ou que apresentem outros tipos de restrições. Tudo depende de contextos pessoais específicos para saber se é uma atividade recomendável em cada caso. Então, tenham cuidado. E se tiver dúvidas maiores, sugiro procurar um profissional da área ou até mesmo seu médico de confiança!

 

Lembrando que não é recomendável fazer isso todos os dias e que qualquer atividade física e o modo como ela é praticada, só lhe trará resultados se vocês se alimentarem de forma leve. Fazendo substituições inteligentes!

Outro ponto importantíssimo é que, nada de treinos pesados em jejum em gente? Uma corrida leve ou uma caminhada é o ideal.

Espero que tenham gostado 

e até o próximo post. 

 

Parceiros: @crisfitpenedo e @evsvelhochico

 

 

 

 

 

 

Seja um parceiro também,

entre em contato via whatsapp:

(82) 9 9650-4660

Comentários comentar agora ❯

Postado em 29/03/2018 12:00

Páscoa sem culpa!

A vontade de comer aquele ovo de páscoa é grande né? Mas e a dieta? E a vida saudável, como que fica?

Que tal não passar vontade, mas sem "enfiar de vez o pé na jaca?" Por muito tempo, o chocolate foi considerado um "vilão" da alimentação saudável. Agora, cada vez mais, estudos da área nutricional mostram que o alimento também pode fazer bem à saúde, trazendo benefícios para o corpo, se consumido em devidas quantidades, é claro.

"Os chocolates 70% são os mais saudáveis e menos calóricos. Escolha aqueles com maior teor de cacau, o 70% é o ideal pois contém antioxidantes e menos açúcar. Para aqueles que não estão acostumados, o 50% cacau já é um bom começo", destacou a nutricionista Mariane Valpassos.

4 dicas para escolher o chocolate ideal


- Fique atento aos rótulos dos produtos e a lista de ingredientes, evite aqueles que tem como primeiro ingrediente açúcar ou gordura hidrogenada.

- Evite as opções com muito recheio, pois contém maior quantidade de açúcar (eu sei que é mais gostoso com bastante recheio, mas a longo prazo, você vai perceber que menos é mais!).

- Não coma uma porção exagerada, congele e guarde para ir consumindo aos poucos.

- Evite o chocolate branco. Ele é feito com manteiga de cacau e açúcar, sendo assim não é possível aproveitar os efeitos benéficos do cacau. 

As sementes de cacau são ricas em flavonoides, que agem como antioxidantes no organismo, além de contar com muitos outros micronutrientes. A substância também está associada com minimização do risco de doenças cardiovasculares e câncer. Pode-se dizer então que o chocolate amargo é um superalimento pela alta quantidade de cacau em sua composição.

 

 

 

Sendo assim, aproveita o feriado

com responsabilidade gastronômica

(segunda treina em dobro, hahahah')

e Feliz Páscoa! 

 

 

 

 

Parceiros: @crisfitpenedo e @evsvelhochico

 

 

 

 

 

 

Seja um parceiro também,

entre em contato pelo whatsapp:

(82) 9 9650-4660

Comentários comentar agora ❯

Postado em 27/03/2018 10:00

Receita: Bolo de cenoura com calda de chocolate saudável!

A semana mais doce do ano chegou! E agora?

Quer continuar comendo saudável mesmo comendo um docinho nessa semana de páscoa? Que tal então reproduzir uma das muitas receitas da minha querida amiga e Chef Fit Shirley Lima (@chefshiirleylima)? Para este bolo incrível, você vai precisar de:

Ingredientes

2 cenouras médias

1/2 xícara de açúcar demerara

4 ovos

1/2 xícara de óleo de coco

200g de aveia em flocos finos

1 colher de sopa de fermento

Para a calda

1/2 xícara de açúcar demerara

1/2 xícara de leite de coco

2 colheres de sopa de cacau 

Como fazer?

Misture em um recipiente fundo os ovos, o óleo e a cenoura. Em outro recipiente, misture a farinha e o fermento. Depois junte todos os ingredientes em um lugar só e bata bem até formar uma massa homogênea. Coloque a massa em forma untada depois coloque para assar em forno médio, por aproximadamente 40 minutos.

Para fazer a calda é simples, em um recipiente junte todos os ingredientes (da calda), misture e leve ao fogo para engrossar. Com a ajuda de uma colher, espalhe o creme sobre o bolo ainda quente. Sirva morno.

 

  

 

Gostaram da receita? Vai reproduzir?

Tira uma foto e me envia através da

minha rede social Instagram: @eualexafarias.

 

 

Parceiros: @crisfitpenedo, @evsvelhochico e @chefshiirleylima

 

 

 

 

 

 

Seja um parceiro também,

entre em contato pelo whatsapp:

(82) 9 9650-4660
 

Comentários comentar agora ❯